BECRE desafia famílias a celebrar o seu dia internacional com atividades de leitura

No próximo dia 15 de maio (sexta-feira), celebra-se o Dia Internacional da Família.
Neste período de confinamento forçado, sendo desaconselhadas as iniciativas de grupo ao ar livre, a Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Porto de Mós (BECRE) desafia as famílias dos alunos a celebrar esta efeméride realizando uma atividade de leitura colaborativa.
Assim, propomos que selecionem uma história do vosso agrado e que a recontem com alegria e criatividade.
Poderão usar os livros que têm disponíveis em casa ou escolher um nos repositórios com livros digitais, vídeos e gravações áudio de acesso livre, disponíveis na página da BECRE, (ver aqui: http://lermos.net/?cat=69)
Façam-nos depois chegar a gravação da atividade em formato áudio ou vídeo, até ao final do mês de maio, através do email becre@aepmos.pt, autorizando a sua divulgação pública.
Os trabalhos serão publicados nas páginas da BECRE (portal lermos.net, Facebook e Instagram), de modo a partilhar experiências e a promover uma imagem positiva do ato de ler, bem como a importância da família na educação infantil, e a reforçar a mensagem de união, amor, respeito e compreensão necessárias para o bom relacionamento de todos os elementos que compõem o agregado familiar.

Organizar uma caça ao tesouro em casa

Ao fim de várias semanas em casa, as crianças começam a estar entediadas. Fica aqui uma sugestão de atividade: organizar um jogo de caça ao tesouro. Para além de ser muito divertido e ter algum movimento físico, o jogo contribui para melhorar a compreensão e execução de instruções orais e escritas.

OBJECTIVO
Procurar e descobrir vários pedaços de papel onde estão as letras de uma «mensagem secreta».

PREPARAÇÃO
1 – Arranje vários pedaços de papel (6 a 10, em função do número de letras da «mensagem secreta»).
2 – Numere cada papel e escreva em cada um, por ordem, as letras da «mensagem secreta», por exemplo, G O S T O D E T I (9 pedaços de papel).
3 – Na outra face de cada papel, escreva as instruções para encontrar o seguinte. Por exemplo, «Espero-te na prateleira do frigorífico, debaixo do fiambre» ou «Procura-me na estante do corredor, na prateleira cujo resultado é igual a 3+2» ou «Leva a roupa suja para o cesto; encontrar-me-ás lá».
4 – Coloque os pedaços de papel nos locais indicados nas instruções.

COMO JOGAR
1 – Dê oralmente as instruções para encontrar o primeiro papel. Pode ser um enigma como «estou no sítio onde as notícias chegam à hora marcada» (atrás ou debaixo da TV).
2 – O(s) jogador(es) seguirá/ão depois as ordens escritas em cada papel, até encontrar o último.
3 – No final, o(s) jogador(es) colocará/ão todos os papéis pela ordem numérica, para descobrir a «mensagem secreta» (pode ser qualquer uma, a indicada acima é apenas uma sugestão).

Este jogo pode ter as variantes que os organizadores entenderem, em função da idade e das características das crianças. Uma alternativa é pedir às crianças para organizarem elas o jogo umas para as outras (ou para os adultos jogarem).

Livros digitais sobre saúde

A editora «Ideias com História», que criou e lançou o site CoronaKids, em parceria com a DGS, disponibiliza gratuitamente alguns livros seus sobre Saúde, em formato PDF. Para abrir, basta clicar nas imagens.

«A minha mãe é médica e já tenho saudades dela»

«Chamo-me Leonor, tenho treze anos, e a minha mãe é médica. Ela sempre teve horários estranhos, mas agora, desde que apareceu este novo coronavírus, cada vez estou menos com ela. Nos últimos dias ela deixou mesmo de vir a casa e já tenho saudades. Muitas».
Um livro, recomendado pela DGS, que é uma homenagem aos médicos, enfermeiros e a todos os profissionais de saúde, mas também aos seus filhos, e que está inserido na coleção da editora «Tudo vai ficar bem», relativa à COVID-19. O livro vai ter brevemente versões em italiano, espanhol, inglês e chinês. Continuar a ler

Aulas da TV já estão no YouTube


As emissões do projeto #EstudoEmCasa a difundir pela TV estão já disponíveis no YouTube. Para isso, foram criados vários canais, um por cada ciclo / nível de ensino, a que é possível aceder a partir do seguinte endereço (canal do Pré-Escolar):
www.youtube.com/channel/UChcfiTs4sqjwRS6fzaxKyog/

CoronaKids


Designação:
CoronaKids
Endereço: http://www.coronakids.pt/
Descrição: portal lúdico-pedagógico cujo objetivo é informar sobre a doença provocada pelo novo coronavírus. Disponibiliza notícias diárias, informações úteis sobre a COVID-19, curiosidades, jogos, vídeos e atividades divertidas para quem está em casa.
Responsável: Ideias com História

Biblioteca Digital da RBE: Ensinar e Aprender online


Endereço: https://spark.adobe.com/page/s2BSbJwABwE6I/
Descrição: Plataforma de recursos de acesso aberto e universal, em atualização permanente, desenvolvida pela RBE. Estes estão organizados em cinco tipologias:
1. Salas de streaming – tal como o nome indica, aqui, encontra vídeos com potencial educativo, organizados por áreas, como ciência, leitura e até cidadania.
2. Livros digitais – repositório de eBooks para descarregar e/ou ler em diferentes plataformas; disponibilizam-se também audiolivros.
3. Índice de autores – menu organizado por autores que recolhe conteúdos relacionados, muito diversificados e apelativos para utilização educativa. Aqui encontra entrevistas, biografias, documentários…, em suportes variados (podcast, vídeo, imagem, texto…).
4. Os media em revista(s) – revistas temáticas que apresentam artigos atuais e significativos que contribuem para o aprofundamento dos diferentes assuntos. Aqui se encontram artigos nacionais e internacionais, desde a neurociência à gamificação.
5. Podcasts – para os amantes do áudio, aqui se disponibilizam recursos incontornáveis para ambiente educativo/formativo na voz de professores, alunos, mas também especialistas e personalidades de renome em cada uma das suas áreas.

MILD: Manual de Instruções para a Literacia Digital


Endereço:
http://mild.rbe.mec.pt/
Descrição: Plataforma digital da Rede de Bibliotecas Escolares que pretende ajudar os jovens a usar a Internet e as redes digitais de uma forma mais informada, consciente, crítica e segura.  Apresenta um conjunto de recursos e atividades nos domínios da leitura, dos media e da cidadania digitais, organizados em oito áreas de literacia, que podem ser usados em contexto formal ou informal de aprendizagem, na sala de aula, na biblioteca escolar ou de forma autónoma pelos jovens.