Encontros com o escritor e ilustrador Pedro Seromenho

No próximo dia 19 de Janeiro, o escritor e ilustrador Pedro Soromenho visitará algumas escolas do Agrupamento de Porto de Mós. Durante a manhã, realizará sessões no Juncal e na Calvaria, onde se juntarão também os alunos dos Casais Garridos. À tarde, a sessão será na Mendiga, onde se juntarão também os alunos do Arrimal e Serro Ventoso. O transporte será assegurado pela Câmara Municipal de Porto de Mós.
No 1º Período, o autor esteve já com os alunos de Mira de Aire.
Pedro Seromenho Rocha, de nacionalidade portuguesa, nasceu sob a constelação de gémeos em 1975, na cidade de Salisbúria (Harare), República do Zimbabué. Com apenas dois anos de idade fixou-se em Tavira e mais tarde em Braga, onde actualmente reside. Embora formado em Economia, Pedro Seromenho dedica-se inteiramente a escrever e a ilustrar livros para várias editoras nacionais e brasileiras. Continuar a ler

Por Esta Rua Acima: Património, Música, Poesia

O Agrupamento de Escolas de Porto de Mós, através da Biblioteca Escolar, com a colaboração da Banda Recreativa Portomosense, apresenta o evento «Por Esta Rua Acima». Este é um projeto interdisciplinar, envolvendo as disciplinas de Educação Visual e Português, que visa interligar o estudo do «Património», da «Geometria» e da «Arquitetura» com o conhecimento do «Texto Poético».

Propõe-se a realização de um roteiro pela vila de Porto de Mós, no dia 10 de junho de 2016, consistindo na observação de «janelas» e «portas» de interesse histórico e patrimonial de um conjunto de edifícios, religiosos e civis, de finais de século XVII a inícios do século XX, que se estende desde o Rossio até ao Largo de São João (Rua 5 de outubro, largo Machado dos Santos, Praça da República e Largo de S. João), entrecortada por momentos de leitura expressiva/dramatizada e interpretação musical de textos literários de autores enquadrados na época histórica retratada.

O percurso deverá realizar-se, literalmente, rua acima, com início na baixa, no Largo do Rossio, junto à Igreja e convento de São Pedro, e término no adro da Igreja de São João. Pelo caminho, os participantes, à medida que se forem deixando encantar pela história e pelas estórias que se escondem por detrás das belas portas e janelas portomosenses, serão surpreendidos por momentos poéticos, musicais e performativos.

De ressalvar que não se propõe um recital de poesia, dos primórdios medievais à contemporaneidade, mas uma efetiva interdisciplinaridade: a par do aprofundamento dos conhecimentos relativos ao património edificado, os intervenientes são desafiados a fruir do nosso rico património literário.

Estamos em crer que esta rota literária e arquitetónica promoverá o aprofundamento do conhecimento patrimonial da vila na qual se integra o nosso Agrupamento de Escolas, bem como o contacto próximo com a palavra dos poetas, que tantos citam, mas tão poucos conhecem…