Projeto DICA: Dominar a Informação Certa com Astúcia (programa Ideias com Mérito 2015/2017)

dica logo med

O Projeto DICA (Dominar a Informação Certa com Astúcia), da iniciativa da BECRE-AEPM, foi aprovado pelo Conselho Pedagógico, na sua reunião de 25 de junho de 2015, considerando que «constitui uma resposta promissora ao problema, frequentemente referido, de que muitos alunos, na elaboração dos seus trabalhos, se limitam a copiar e colar conteúdos da Internet, evidenciando falta de sentido crítico quanto à qualidade e à quantidade das fontes de informação que usam; sendo o desenvolvimento destas competências moroso, torna-se muito difícil à maioria dos docentes fazê-lo de forma estruturada e sistemática nas suas aulas, pelo que este projeto, em articulação com os seus professores dinamizadores, vai facilitar muito essa tarefa. Por outro lado, vai também permitir introduzir novas formas de leitura extensiva nas aulas de Português, nomeadamente através da utilização de obras da Educação Literária em formato digital.»

Com este projeto, pretende-se criar condições para o desenvolvimento das competências transversais dos alunos, em matéria de literacia da informação e dos média, através de atividades e projetos, realizados integralmente na sala de aula, em suportes digitais, compreendendo todas as fases do circuito da informação. Garantir-se-á assim, em simultâneo, a operacionalização dos conteúdos curriculares e a identificação de boas e más práticas existentes, ou inexistentes, nos alunos do agrupamento. A partir dos dados observados, serão definidas e implementadas estratégias para a resolução dos problemas identificados que incluirão guias de boas práticas, na perspetiva dos alunos e dos professores.

Isto porque, embora sendo crença popular que os alunos atuais, nativos digitais, sabem “tudo” sobre computadores e novas tecnologias, quem trabalha nas escolas, e especialmente os professores bibliotecários, sabem que tal é um mito e que os conhecimentos dos alunos são grandes apenas nas áreas que lhes interessam e com as quais lidam diariamente. Ora, o chamado “circuito da informação”, isto é a capacidade de localizar fontes de informação, selecionar a informação adequada em função da tarefa a realizar e da validade das fontes escolhidas, e organizar e apresentar a informação selecionada em função do destinatário, constituindo um conjunto de competências essenciais a qualquer cidadão na sociedade da informação em que nos inserimos, é frequentemente uma realidade não dominada por muitos alunos. E, com a transição da esmagadora maioria do conhecimento para o mundo digital, esses problemas só poderão agravar-se.

Por outro lado, embora os programas e orientações curriculares incluam referências à aquisição de competências (ou capacidades) na área da literacia da informação e dos média, muitos docentes não criam situações de aprendizagem que permitam desenvolver essas competências. Tal deve-se, entre outros, à “falta de tempo” que faz com que os docentes deem prioridade aos conteúdos específicos da sua disciplina, atitude ainda mais evidente quando se trata de uma disciplina com avaliação externa. Contudo, em muitos casos, a razão é também a falta de conhecimentos, maior ou menor, para a operacionalização desses conteúdos.

A preparação do trabalho a realizar na sala de aula permitirá a análise dos programas e das planificações anuais das disciplinas, identificando oportunidades para o desenvolvimento das competências de literacia pretendidas. O conjunto das oportunidades identificadas, bem como as estratégias e atividades utilizadas, serão disponibilizadas aos docentes constituindo-se assim um banco de estratégias e atividades que contribuam para a operacionalização das planificações do agrupamento em articulação com o Referencial da Educação para os Média

O projeto DICA foi contemplado com um financiamento da RBE (Rede de Bibliotecas Escolares), no âmbito do programa «Ideias com Mérito» 2015/2017, que permitiu adquirir 14 «tablets» e várias obras literárias em formato digital.