Livros sobre a I República (2º e 3º CEB)

7X1910
7 x 1910
Histórias da República
de Margarida Fonseca Santos
Edição/reimpressão: 2010
Páginas: 38
Editor: Edições Gailivro
ISBN: 9789895577187
Colecção: Fora de Colecção

7x 1910 Histórias da República é um conjunto de sete histórias cujas personagens principais, falando na primeira pessoa, são objectos carregados de simbologia: O Mapa Cor-de-Rosa é acusado de estar na origem do célebre Ultimatum de 1890 , um antecedente que terá contribuído para o assassinato de D. Carlos I e mais, tarde, para a implantação da República. A Bala que estava dentro da pistola do Almirante Cândido dos Reis que se suicidara, pensando que a revolução tinha falhado. Acompanhado por um ordenança, o diplomata alemão preocupado com a vida dos estrangeiros que residiam no Avenida Palace pega na Bandeira Branca e segue rumo ao Marquês de Pombal, onde se encontravam muitos Republicanos. Estes ao verem-no chegar com a bandeira branca, pensaram que a Monarquia se tinha rendido. A Coroa Real que vive despeitada porque nunca mais foi posta numa cabeça de rei ou rainha desde o tempo de D.João IV. O Navio de Guerra que quando disparou sobre os edifícios do Ministério teve a certeza de que minou a confiança dos militares que defendiam a Monarquia. O Iate Real D. Amélia que levaria o rei deposto D. Manuel II e toda a família real até Gibraltar, onde ficariam a salvo.

 

era_uma_vez_republica
Era uma Vez a República
de José Fanha
Edição/reimpressão: 2010
Páginas: 88
Editor: Edições Gailivro
ISBN: 9789895577712
Colecção: Fora de Colecção

Já passaram 100 anos depois dessa data tão importante  para a nossa  História recente que é o 5  de Outubro  de 1910 em que terminou  a Monarquia e se deu a implantação da República. São muitas as perguntas  que colocamos quando se fala do  5 de Outubro de 1910. Será que saberemos  o que é uma República? Qual é a diferença entre a República e a Monarquia?  Quem   concebeu O Mapa Cor-de-Rosa? Como é que nasceu o Hino Nacional? Como é que  se escolheu a Nova bandeira portuguesa? Quem é que era eleito para o Parlamento? O que é a Maçonaria? E a Carbonária? Porque é que assassinaram o Rei D. Carlos?  Quem foi Afonso Costa? Porque é que chamavam o Presidente-rei  a Sidónio Pais?

mataram_o_rei
Mataram o Rei!
Ana Maria Magalhães; Isabel Alçada
Ilustrador(es): Arlindo Fagundes
Ilustrações: preto e branco
Acabamento: brochado
Dimensão: 13×18,5 cm
Páginas: 256
Peso: 173 g

Colecção: «Viagens no Tempo», n.º 12
Código: 25.012
ISBN: 978-972-21-0965-9
5.ª edição: Abril 2009

Orlando leva Ana e João na máquina do tempo em busca de um criminoso perigosíssimo que tem uma alcunha elucidativa — o Toupeira — e sabe camuflar-se tomando personalidades diferentes conforme o caso. Isso dificulta imenso a perseguição. Mas o grupo não desiste. Todas as pistas apontam para Lisboa no ano de 1908 e certos indícios fazem pensar que se relacionam com uma simpática família onde há três lindas raparigas. A melhor maneira de o caçar será fazerem amizade com elas. Para isso instalam-se na casa vizinha e passam a frequentar as festas, os passeios e até os bailes que o rei dá no Palácio da Pena, em Sintra. Mes sempre que julgam estar prestes a desmascará-lo, descobrem que afinal a pessoa de quem desconfiavam não é o Toupeira. As voltas e semivoltas levam João a envolver-se sem querer com um grupo de revolucionários que se preparam para assassinar o rei D. Carlos…

Mataram_o_Rei_Viva_a_Repblica
Mataram o Rei ! … Viva a República
de José Ruy
Edição/reimpressão: 2008
Páginas: 48
Editor: Ancora Editora
ISBN: 9789727802036

Sinopse
Este livro tem como temática a implantação da República em Portugal.Uma parte da nossa história em banda desenhada contada por este autor já conhecido entre o público mais jovem e não só.

1910_uma_antologia_literaria
1910 – Uma Antologia Literária
de Vários
6 contos inéditos de 6 grandes escritores.
Edição/reimpressão: 2010
Páginas: 128
Editor: Dom Quixote
ISBN: 9789722041195
Colecção: Autores de Língua Portuguesa

Sinopse
No ano em que se celebra o Centenário da Implantação da República, as Publicações Dom Quixote reúnem num volume seis contos inéditos de seis grandes nomes da literatura portuguesa contemporânea: Luísa Costa Gomes, Luísa Costa Gomes, Mário de Carvalho, Miguel Real, Teolinda Gersão, Urbano Tavares Rodrigues.
Histórias ficcionadas em torno de um momento importante da história nacional que culminou com a Revolução de 5 de Outubro de 1910, e que marcou profundamente a sociedade, as instituições e a cultura portuguesa. O fim da monarquia constitucional e a evolução da democracia, com a tomada de diversas decisões importantes, como a expulsão das ordens religiosas e a abolição do ensino religioso nas escolas, a abolição dos títulos de nobreza, a aprovação do divórcio e a instituição do casamento civil, além da adopção de uma nova bandeira e hino nacional, que perduram até hoje.

 

5out1910_jovens

05 de Outubro de 1910 explicado aos jovens
de Carlos Rebelo
Edição/reimpressão: 2010
Páginas: 48
Editor: Plátano Editora
ISBN: 9789727707362

Sinopse
Às dificuldades económicas resultantes do atraso português e dos efeitos das crises internacionais, passa a juntar-se também a crise política. O rotativismo, que consistia na alternância no poder de dois partidos políticos, já não consegue dar resposta aos problemas nacionais. Em 1907, um governo chefiado por João Franco dissolve o Parlamento e passa a governar em ditadura. A contestação aumenta e, em 1908, dá-se o regicídio. A morte do rei D. Carlos conduz D. Manuel II ao poder, mas por pouco tempo. O novo rei procura acalmar as tensões mas não consegue evitar a queda do regime e, em 5 de Outubro de 1910, é proclamada a República

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.