Apoio ao Ensino à Distância

Em destaque

No contexto da pandemia do COVID 19, a Biblioteca Escolar (BECRE) responde às novas formas de trabalho operacionalizadas pelas escolas do AEPM, redirecionando a sua ação para a criação dos seguintes serviços e recursos em linha:

1. Serviço de referência e apoio a professores e alunos
O APOIO deve ser solicitado através de formulário próprio ou na «Sala de apoio ao e-Learning (ensino à distância)» do Moodle do AEPM (apenas professores). Continuar a ler

FotografAR-TE: concurso de fotografia para a comunidade escolar

Em destaque

Nos tempos difíceis que atravessamos, o contacto com a ARTE é um dos melhores remédios para ajudar ao nosso equilíbrio mental. Por isso, neste ano letivo, a Biblioteca escolheu a ARTE como fio condutor de muitas das suas atividades.
Uma dessas atividades consiste num concurso de fotografia, aberto a todos os alunos (a partir do 2.º Ciclo) e pessoal docente e não docente do Agrupamento.
Em cada mês, será proposto um tema diferente e as fotografias poderão ser partilhadas com a comunidade escolar através do Instagram e do facebook da Biblioteca. Em cada mês serão eleitas as melhores, que serão também partilhadas nas redes sociais do Agrupamento e, no final do ano, haverá prémios.
Utiliza o teu telemóvel para fotografar o teu mundo e partilhá-lo com a comunidade.
O tema do mês de novembro é: “A Arte dá-nos saúde e bem-estar”.
O regulamento pode ser consultado aqui.

Vai cuidAR-TE… a ARTE dá saúde e bem-estar!

This slideshow requires JavaScript.

Nos tempos difíceis que atravessamos, o contacto com a Arte é um dos melhores remédios para ajudar ao nosso equilíbrio mental. Por isso, neste ano letivo, a Biblioteca escolheu a ARTE como fio condutor das suas atividades, especialmente nas duas escolas secundárias do Agrupamento.
Assim, realizaram-se ao longo do primeiro período várias atividades destinadas a chamar a atenção da comunidade escolar para os benefícios da Arte, começando pela criação de um vírus “bom” que disseminou a mensagem através de slogans como “O que ARDE cura? Não! A ARTE cura!”, “Infeta-te com Literatura!”, “Uma peça musical imuniza-te contra o mal!”, entre outros.
No mês de novembro, foram apresentados artistas que, confrontados com situações de doença ou de incapacidade, encontraram na Arte um meio para ultrapassarem as suas dificuldades, nas áreas da literatura (Hans Christian Andersen, Fernando Pessoa, Phillip K. Dick, Paulo Coelho, António Lobo Antunes…), da música (Mozart, Ray Charles, Seal, Camila Cabello,…), ou da pintura (Edvard Munch, Salvador Dalí, Frida Kahlo,…), e ainda filmes que retratam situações em que a Arte tem um papel fundamental no bem-estar.
Em dezembro destacaram-se artistas que foram perseguidos, presos ou exilados, por causa da sua arte ou da sua vida pessoal, mas que encontraram de novo na Arte um caminho para o seu bem-estar.
Paralelamente foi lançado um concurso de fotografia, intitulado FotogrfAR-TE, aberto a toda a comunidade escolar, e destinado a estimular a criatividade e o sentido de observação através de fotos relacionadas com os temas das exposições (“A Arte dá saúde e bem-estar” e “Coisas presas”). Este concurso irá prosseguir ao longo do ano, o mesmo acontecendo com outras atividades ligadas a esta temática, a começar pelos livros selecionados para a fase de escola do Concurso Nacional de Leitura.

Jovens «detetives» recebem prémios

Os alunos Inês Carreira (5.º A), Fabiana Roza (5.º E), Tiago Santos (6.º A) e Violeta Santos (6.º A), da EB2MOP, foram os distinguidos, este período, na atividade «Clube dos Detetives», por terem resolvido o maior número de «casos» corretamente.
Ao longo de 10 semanas, foram propostos ao alunos vários enigmas policiais que teriam de ser resolvidos com base na análise e observação de texto e imagem.
A participação foi bastante satisfatória (cerca de um quarto dos alunos do 5.º e 6.º anos participaram regularmente) e o nível de resolução foi alto. Em cada um dos enigmas, os vencedores receberam uma lembrança. Os quatro melhores, acima indicados, receberam, cada um, um livro da coleção «Duarte e Marta», oferta da Porto Editora.
Os objetivos desta iniciativa são o desenvolvimento da compreensão leitora, da capacidade de observação, da capacidade de argumentação e da expressão escrita.
[Na foto, onde estão alguns dos alunos premiados, funcionária da BE, Paula Gomes, e o professor bibliotecário, falta a aluna Inês Carreira, que estava ausente neste dia].

O Pai Natal vai às escolas

«O Pai Natal vai às Escolas» é uma iniciativa da Câmara Municipal de Porto de Mós, em colaboração com a Biblioteca Escolar do AEPM. Pretende-se, com esta atividade, evocar as tradições natalícias e trazer a sua magia e encantamento às crianças dos JI e EB1 públicas do concelho.
No entanto, dadas as restrições decorrentes da situação de pandemia que atualmente vivemos, o Pai Natal, pela sua avançada idade, pertence a um grupo de risco e não poderá interagir fisicamente. Mas, embora idoso, tem acompanhado a evolução das tecnologias e propõe que a sua visita às escolas decorra de forma virtual. Assim sendo, o simpático velhote estará em direto (via Zoom), a partir da sua casa, entre os dias 9 e 16 de dezembro, com todas as escolas EB1 e JI do AEPM.
Irá falar da sua história de vida e contar como é o seu dia a dia, entre outros assuntos, estando disponível para responder às perguntas das crianças.
As sessões terão uma duração de cerca de 40 minutos.

(C)Sem Meias Palavras…

 

This slideshow requires JavaScript.

(C)Sem Meias Palavras, a Clara, a Filipa, a Lara, o Rodrigo e o Rui, alunos do 12.º A-PM e do 12.ºCT-MA, deram a conhecer livros que gostaram de ler aos seus colegas das turmas do 10.º ano do Agrupamento. Este ano, esta atividade, promovida pela Biblioteca Escolar em articulação com as professoras de Português das turmas, decorreu via Zoom o que permitiu juntar alunos das duas escolas secundárias.

A Biblioteca agradece aos alunos a disponibilidade e o tempo despendido para realizar esta atividade. Esperamos que esta atividade tenha contribuído para que muitos jovens tenham encontrado o livro certo para eles pois, citando o escritor James Patterson, “não há jovens que não gostam de ler”; há é muitos jovens que “não estão a ler os livros certos “.

Atividades de Halloween na EB2MOP

 

A celebração do Halloween faz já parte das tradições da EB2 Dr. Manuel de Oliveira Perpétua. Como era previsível, este ano, devido à pandemia, não teve o impacto habitual. Contudo, a data não passou despercebida, tendo a Biblioteca Escolar dinamizado um concurso de abóboras e outro de máscaras, que foram bastante participados. No âmbito da disciplina de Inglês, foram igualmente realizadas atividades em sala de aula.
Foram muitos os trabalhos a concurso numa e noutra modalidade, ficando bem evidente a criatividade dos alunos.
Os distinguidos foram, para as abóboras, o Artur (5. A), a Ana (5.º B), o David (5.º B), o Duarte (5.º C) e a Íris (5.º E). Quanto às máscaras, a equipa da BE escolheu os trabalhos do Afonso (6.º C), do António (5.º E), do Eduardo (6.º C), do Filipe (5.º A) e da Lara (6.º C).
Parabéns aos vencedores e aos restantes participantes. Continuar a ler